Abbildung

História

Resultado da tradição sem tradicionalismos

Geschichte
A história da PE começa numa chuvosa manhã de Quinta-feira na Primavera do ano de 1940, na qual Hermann Peters, então com 36 anos de idade, saiu de um antigo casebre com a sua BMW R 16 algures em Ennepetal. A máquina com motor Boxer de dois cilindros já tinha alguns anos e para despertar novamente a máquina entretanto empoeirada, foram necessárias algumas reparações. Como um mecânico excepcionalmente dotado, Hermann Peters desmontou totalmente o motociclo e inspeccionou-o devidamente. Durante a Guerra foi extremamente difícil receber as peças de reposição adequadas, pelo que demorou meses até que reunisse todas as peças necessárias. Algumas foram compradas em segunda mão, outras foram reparadas por ele mesmo.

Após o final da Guerra, Hermann Peters registou sob o seu próprio nome uma empresa para a entretanto assumida comercialização de peças de reposição a 24 de Outubro de 1947. Depois de, inicialmente, uma vacaria de Ennepetal ter servido de armazém, a pequena empresa conseguiu, ainda no mesmo ano, mudar-se para a próxima e mais representativa Lindenstraße em Ennepetal-Voerde. Hermann Peters, que nos primeiros meses fechou ele próprio todos os negócios, juntamente com a sua esposa, Martha Peters, vendia não só peças de reposição para motociclos, mas também entretanto para veículos de passageiros e veículos pesados comerciais.

Na época de reconstrução, a procura de peças de reposição aumentava constantemente. Havia falta de tudo, e para quem fosse inventivo, conhecesse boas fontes e também produzisse independentemente, os seus produtos vendiam-se praticamente sozinhos. Deste modo, passados poucos anos, a empresa teve de adquirir uma nova fábrica com produção em Feldstraße, Gevelsberg, para concretizar o prosseguimento do crescimento.

Hermann Peters exigia dos seus colaboradores e colaboradoras a mesma paixão pelos pormenores inventiva na reparação de motociclos e os mesmos elevados critérios de qualidade e segurança que ele mesmo possuía. Deste modo, a empresa conseguiu, desde o início, uma elevada confiança junto dos seus clientes.

Com a morte de Hermann Peters, no ano de 1967, Jürgen Freitag, sobrinho do fundador, tomou a direcção da empresa e conduziu-a numa nova direcção, através da especialização em peças de reposição para veículos pesados comerciais e para a distribuição mundial.

O rápido crescimento da empresa, obrigou, em 1970, à deslocação da produção para a rua Aufsicht em Ennepetal, a direcção e os armazéns seguiram-se quatro anos mais tarde. Após o falecimento da proprietária, Martha Peters (nome de solteira Freitag), a empresa foi totalmente transferida para Jürgen Freitag, como herdeiro, em 1976.

Três anos mais tarde, a marca PE (abreviatura: Peters Ennepetal) foi registada como marca registada a nível mundial. Desde então, a empresa é conhecida por esta sigla. As instalações de Ennepetal foram sucessivamente expandidas nos anos 80 e 90.

Com a fundação da subsidiária, PE Data GmbH, em 1995, o grupo de empresas PE estabeleceu os alicerces para extraordinárias tecnologias no processamento e utilização de informações. Graças à colocação em funcionamento de um novo centro tecnológico em Ambrosius-Brand-Straße, no ano de 1998, foi possível expandir a gestão de produtos e o desenvolvimento de produtos e estabelecer novas fasquias nos sectores de aquisição e controlo de qualidade.

Através da nomeação de Markus Seitz como gerente, Jürgen Freitag introduziu, em 2004, a nova geração na direcção da empresa.

Além da modernização abrangente dos processos de logística e para o aumento das capacidades de armazenamento (2005), no ano de 2007, foi colocado em funcionamento um novo centro de logística em Gevelsberg.

Com a transmissão do seu cargo de gerente a Christian Freitag, o proprietário Jürgen Freitag concluiu a mudança de geração a 1 de Janeiro de 2009. O novo direccionamento estratégico e o crescimento da PE são agora promovidos pelos sócios gerentes Christian Freitag e Markus Seitz.

O elevado critério de qualidade já perseguido pelo fundador da empresa, Hermann Peters, e a ambição de aperfeiçoar cada reparação, marcam ainda hoje o auto-retrato da empresa e da marca PE, digna de grande confiança por parte do sector.

2011. Com a mudança de nome para PE Automotive GmbH & Co. KG, sincronizamos nossa marca PE junto à razão social. A estrutura da parceria assim como a direção da empresa familiar ficam inalteradas.

No verão de 2014 a PE combina três instalações de logística num centro de logística para
quase 50 000 m² e duplica assim a área de armazenamento de rede. Desse modo, a empresa irá satisfazer a crescente exigência por uma logística flexível e rápida e tem a capacidade de aumentar substancialmente a prontidão e velocidade de entrega.

A 1 janeiro de 2016 a PE Automotive e a Bergische Achsen KG vão associar-se em Wiehl. Com este passo, ambas as empresas criaram uma base importante, para alcançarem os respetivos objetivos de crescimento. Nos próximos anos as empresas irão desenvolver conjunta e claramente a oferta e os serviços para o comércio grossista especializado a nível mundial.